Site Logo
ISSN (Impresso) 1679-4435 - ISSN Online 2447-0147
41
Visualizações
Acesso aberto Revisado por Pares
Editorial

O Único Lugar no Mundo onde o Sucesso Vem antes do Trabalho é no Dicionário

René Mendes

A frase atribuída a Vidal Sasson resume nossa compreensão sobre o que ocorre na maior parte das esferas da vida, incluindo a vida associada e científica da Medicina do Trabalho brasileira - leia-se ANAMT -, e a vida da Revista Brasileira de Medicina do Trabalho.

A nova Diretoria da ANAMT, eleita para o prêmio 2004-2007, lançou-se como chapa candidata à eleição utilizando o mote "ANAMT e Federadas Fortes" e, em função deste compromisso público, tomou algumas medidas políticas o administrativas visando à implementação desta idéia.

No que diz respeito à Revista Brasileira de Medicina do Trabalho, já havíamos comentado no Editorial anterior a estreita ligação da RBMT com a estratégia da Diretoria Científica da ANAMT de criação é mobilização dos cerca de 35 Comitês Técnicos, dos quais cerca de 18 já estão sendo instalados. Importantes produtos dos Comitês Científicos serão veiculados pela RBMT e, desta forma, a RBMT torna-se um braço forte da estratégia de educação continuada ou permanente.

Neste Editorial, gostaríamos de destacar o trabalho que vem sendo feito pela nova Diretoria da ANAMT, no sentido de ampliar a sua base associativa e de suas Federadas. A Diretoria da ANAMT e o Conselho Deliberativo aprovaram em Goiânia, em 2 de maio deste ano, a diretriz de integração e consolidação dos quadros associativos da ANAMT e das Federadas, o que implicará, no seu devido tempo, a racionalização e otimização das cobranças de anuidades, a partir de janeiro de 2005. Essa tarefa estará mobilizando os Vice-Presidentes Regionais da ANAMT e o Diretor Administrativo, como desafio prioritário do 2 semestre de 2004.

Para a Revista, o grande salto será, inicialmente, quantitativo, pois a integração dos quadros associativos da ANAMT e das Federadas elevará o número de associados a cerca de 6 a 7 mil médicos do trabalho - como atualmente estimamos - e estes todos serão imediatamente incluídos na mata-direta da RBMT. Trata-se de mais um dos atrativos de se tornar associado da ANAMT, entre muitos outros extremamente atraentes. Nossa meta para o final da atual gestão é levar a RBMT a 10 mil médicos do trabalho em nosso pais.

Do ponto de vista qualitativo, as duas medidas anunciadas - a da participação dos Comitês Técnicos nos conteúdos da RBMT e a da ampliação significativa de sua tiragem (dos 4 mil atuais para 7 mil ou mais) - constituirão importantes alavancas para o compromisso de tornar a ANAMT e as Federadas realmente fortes, ou melhor, mais fortes. É verdade que a força das nossas entidades é fundamentalmente política, mas também é técnico-científica, na medida em que seus associados se tornam cada vez mais competentes e capazes para enfrentar os complexos desafios trazidos pela Sociedade para a Medicina ao Trabalho.

Aproveitamos para lembrar que o 12º Congresso da ANAMT, recentemente realizado em Goiânia, nos ajudou a ampliar significativamente nossa visão sobre os novos espaços de atuação, os novos desafios e as novas oportunidades para os profissionais que se dedicam à Medicina do Trabalho e às outras profissões relacionadas com a saúde dos trabalhadores. Nesse sentido, a Revista pretende trazer para o seu interior a discussão sobre essas novas dimensões, contribuindo assim para a construção do futuro de nossa especialidade.

Voltando ao titulo de nosso Editorial, desejamos fazer um convite muito especial a todos os leitores da nossa Revista, aos membros do Conselho Editorial, aos autores potenciais que ainda não enviaram seus trabalhos para a RBMT e a todos os amigos da boa Medicina do Trabalho para nos ajudarem a fortalecer a Revista, quer enviando seus artigos, quer divulgando-a, quer promovendo sua leitura e discussão em distintos fóruns de estudo e reflexão. O sucesso conseqüente do trabalho - e não o contrário - será cada vez mais consistente, persistente e significativo.

 

Prof. René Mendes
Presidente da ANAMT
Editor Científico da RBMT


Indexadores

Todos os Direitos Reservados © Revista Brasileira de Medicina do Trabalho